Quais cuidados devem ser tomados ao entregar um imóvel alugado?

entregar imóvel alugado
5 minutos para ler

Não é novidade que o preço para adquirir uma casa própria nem sempre é acessível à boa parte da população. Por essa razão, muitas pessoas recorrem à locação na hora de encontrar um espaço para morar. Contudo, após um período vivendo em um mesmo lugar, chega o momento em que é necessário se mudar ou, até mesmo, o contrato é encerrado — e quando isso acontece, o inquilino precisa tomar todos os cuidados antes de entregar o imóvel alugado.

Em muitas situações, essa entrega é motivo de tensão, já que não são raras as vezes em que há problemas envolvidos. Isso acontece, especialmente, porque o locatário tem uma série de deveres que devem ser cumpridos durante a entrega, evitando assim, que o dono do local saia no prejuízo.

Para que você fique mais tranquilo durante esse processo, trouxe para o post quais são os principais cuidados que devem ser tomados para fazer essa devolução sem preocupações. Confira mais, a seguir!

Mantenha o estado de conservação das instalações

Ao alugar um imóvel e pagar a primeira mensalidade do aluguel, o locatário tem o direito de utilizá-lo como bem entender — desde que as condições estejam previstas no contrato. Em contrapartida, o indivíduo precisa zelar por toda a sua conservação, especialmente, porque o espaço ainda pertence a outra pessoa.

Ou seja, ao longo de toda a vivência no local, é obrigatório tomar cuidado para que tanto o terreno, quanto a propriedade em si, estejam em boas condições — exatamente como ela foi entregue. Por isso, corte a grama, refaça a pintura sempre que puder, leve o lixo para a coleta e, vez ou outra, verifique se as instalações estão adequadas, tanto as referentes ao sistema elétrico, quanto ao hidráulico. Assim, será mais fácil evitar prejuízos e entregar o local em plenas condições.

Conte com um serviço de vistoria

Contratar uma vistoria é sempre a melhor saída para entregar imóvel alugado sem complicações futuras. Tal serviço pode ser realizado antes mesmo de se mudar para o local, garantindo que os ambientes estejam em bom estado de uso e conservação.

Ao longo da tarefa, um profissional especializado descreve detalhadamente como estava a propriedade antes de ser utilizada por você. Sendo assim, na hora da entrega, ela deve permanecer nas mesmas condições em que foi recebida, impedindo que haja qualquer desentendimento entre os envolvidos.

E para assegurar que você cumpriu com o acordo, é de extrema importância contratar, inclusive, um serviço de vistoria durante a entrega das chaves. Dessa maneira, um especialista poderá averiguar cada cômodo e verificar se eles estão dentro dos padrões exigidos. É uma segurança que fará toda a diferença na sua experiência.

Faça reparos

Identificou que há uma falha na pintura das paredes? Ou então, que existem danos em alguma porta ou janela? Nesse caso, a melhor saída é realizar um reparo caprichado no local, permitindo que o proprietário o receba em excelentes condições — até porque, como falamos, é dever do inquilino preservar a propriedade ao longo de sua locação.

Normalmente, a pintura é o detalhe que mais necessita de renovação. Caso o imóvel tenha sido entregue em um visual impecável e, com o passar do tempo, os moradores acabaram sujando as paredes, certifique-se de que uma nova mão de tinta seja aplicada no local. Ainda preste atenção se a cor utilizada — e a marca — são as mesmas que estavam especificadas no documento da vistoria inicial.

Fora isso, existem outros itens que devem ser analisados cuidadosamente em meio a esse procedimento, como:

  • torneiras;
  • portas e janelas;
  • móveis, caso também tenham sido alugados pelo proprietário;
  • pisos;
  • danos nas paredes.

Entregue as documentações necessárias

Após realizar a vistoria e certificar de que tudo está certo com a propriedade, o inquilino precisará organizar a documentação para a entrega. A conta de luz e de água, os comprovantes de quitação do condomínio e as taxas do IPTU devidamente pagas, devem ser encaminhadas junto com a chave do local.

E não termina por aí! Concluída essa etapa, lembre-se de solicitar o cancelamento do telefone e internet, além do desligamento de energia e qualquer outro serviço que possa acarretar cobranças no futuro em seu nome. Com isso, entregar o imóvel alugado e evitar problemas se torna mais simples do que parece!

Caso você tenha gostado das nossas dicas e queira que os seus amigos também se aprofundem no assunto, compartilhe o post nas suas redes sociais e mantenha-os por dentro do assunto!

Você também pode gostar

Deixe um comentário